5 problemas mais comuns de empresas que não protegem seus dados

por Equipe de conteúdo

A segurança dos dados de uma empresa é atualmente tão importante quanto a segurança de suas instalações físicas, pois é nas informações que estão a chave para uma empresa vencer ou perder o jogo do mercado.

Nesse artigo elencamos 5 problemas comuns (e que acontecem todos os dias) quando as empresas não dão a devida atenção a proteção de suas informações.

1) O HD do servidor pifou. E agora?

Muitas empresas optam por deixar os dados armazenados apenas no servidor local, porém o risco é enorme, pois se não houver um sistema de redundância (cópia dos dados em outro servidor / HD / Storage, ou num serviço de backup em nuvem por exemplo) e o equipamento sofrer uma pane, a chance de uma recuperação total dos dados é mínima. Além disso outro grande problema vai ser o tempo dessa recuperação. As vezes os dados podem ser recuperados, mas isso leva dias pois o hardware precisa passar por laboratórios especializados e o custo pode chegar facilmente a 10 ou 20 mil Reais. Diante da falta de informações de estoque, faturamento, financeiro, o que a empresa fará nesse intervalo em que os dados estão sendo recuperados? E se não forem totalmente recuperados, quais prejuízos a empresa sofrerá?

2) O servidor foi roubado…

Aqui o problema é pior do que no caso de pane, pois nesse caso se não havia backup, os dados só serão recuperados se o servidor em si for recuperado. Além disso o equipamento pode ter sofrido danos durante o período em que ficou na mão de terceiros. Seria um dos piores cenários em termos de gestão da informação para uma empresa.

3) O servidor foi atacado por vírus…

Existem alguns vírus altamente destrutivos que apagam ou corrompem os dados, nesse caso novamente as chances de recuperação total são pequenas e o tempo para fazer isso pode levar vários dias, levando a empresa ao caos caso não consiga atender seus clientes, entregar pedidos, pagar fornecedores, só para citar algumas atividades operacionais. Novamente como na situação 1, um bom sistema de redundância (interno) ou backup em nuvem (externo) ajudaria e eliminar ou diminuir um transtorno desses.

4) Os dados foram sequestrados (Ransomware)

O temido Ransomware é um golpe de sequestro de dados e ficou muito comum nos últimos 3 anos, atacando praticamente todos os tipos de organizações, inclusive empresas de médio e pequeno porte. Um vírus se instala nos computadores e bloqueia o acesso aos dados, nesse caso os hackers pedem vultosas quantias em dinheiro para liberar os dados. Aqui existem 3 problemas cruciais: 1) A quantia pedida para o resgate, que pode facilmente chegar a 20, 30, 50 mil Reais ou mais dependendo do número de computadores infectados e o porte da empresa, 2) O tempo para que a transação seja paga em que a empresa fica com suas atividades paralisadas (sem vendas, sem entregas, sem lucros) e 3) Há situações em que mesmo tendo sido pago o “resgate”, os dados foram corrompidos, tornando-se assim inúteis, ou seja, um prejuízo duplo (pagamento do resgate mais o custo do tempo de operação perdido entre o pagamento e a tentativa de recuperação dos dados).

5) A empresa sofreu um alagamento/incêndio.

Esse com certeza é um dos piores cenários, pois além da perda dos dados pode levar infelizmente a perdas materiais (e até humanas). No caso de um incêndio ou alagamento caso não haja uma fonte de backup externo as chances de recuperação dos dados é praticamente nula, e com um agravante, caso os arquivos físicos também sejam afetados (Cópias em papel de contratos, cheques, cadastros de clientes, manuais de produtos, entre outros) a recuperação pode ser simplesmente impossível.
Incêndios e alagamentos já foram as causas do encerramento de muitas empresas no Brasil e no mundo. Um ponto de atenção especial aos alagamentos é que uma empresa pode sofrer com eles mesmo estando fora de uma área de risco, afinal o alagamento pode vir do alto, em caso de vazão de calhas, chuvas de granizo, etc. Sendo assim todo cuidado é pouco.

Conclusão:

A segurança dos dados não deve ser um tabu para as empresas, mesmo as pequenas e médias devem se preocupar com o assunto. Podemos citar que uma boa solução de backup, especialmente em nuvem, previne uma série de problemas:

  • Evita com que a empresa pare suas atividades (leia-se pare de entregar, pare de vender, pare de receber, pare de lucrar).
  • Evita que a empresa tenha que pagar altos valores a criminosos, tenha que fazer uma grande retirada de caixa ou até um empréstimo) e ao evitar esses pagamentos também deixa de alimentar o crime.
  • Evita custos indiretos perdidos com funcionários tendo que redigitar notas, pedidos, contratos e outros documentos fora de expediente (hora-extra).
  • Evita gerar um rombo no caixa da empresa caso o movimento de contas a receber desapareça (isso pode literalmente quebrar a empresa).
  • Por último e não menos importante, evita manchar a reputação da empresa, afinal os clientes não vão querer saber porque sua empresa não está cumprindo prazos e contratos, nem que os motivos sejam desde uma mera queda de energia até o sumiço do seu banco de dados inteiro.

Além do cuidado com o backup é sempre prudente pensar em outras medidas, como o uso de bons antivírus, firewalls, sistemas operacionais originais e atualizados e um trabalho constante de conscientização dos funcionários quanto ao tipo de conteúdo que acessam ou baixam da internet.

Pense nisso e considere aumentar a segurança de seus dados corporativos hoje mesmo!

Leia também:

As 10 coisas mais perigosas que você pode fazer na internet

Fonte: Unimake Software

Compartilhe

Post anterior:

Próximo post: