Contabilidade gerencial é estratégica para as empresas

por Equipe de conteúdo

Contabilidade-gerencial_

A contabilidade gerencial é um ramo da contabilidade voltado a fornecer informações estratégicas para os gestores das empresas.

Diferentemente da contabilidade fiscal, que gera informações ao Fisco, a contabilidade gerencial é um excelente meio para fornecer informações que ajudem a empresa a melhorar seu desempenho.

O que é contabilidade gerencial?

A contabilidade gerencial é um conjunto de práticas cujo objetivo é fornecer aos gestores informações financeiras sobre a empresa.

Essas informações por sua vez são dão uma visão clara do panorama financeiro do negócio como um todo.

Ajudam a identificar forças e fraquezas da empresa, onde se está indo muito bem, onde se está indo medianamente e onde se está indo mal.

Afinal como diz a frase popular: Os números não mentem jamais!

Eles revelam um panorama geral da empresa e apontam as áreas onde a empresa vai bem e outras onde deve melhorar.

A partir dai o gestor pode decidir que decisões vai tomar para aprimorar ou corrigir aquele ponto.

A contabilidade gerencial ajuda ainda a empresa a tomar decisões de grande porte como por exemplo expansão das atividades, abertura de filiais, lançamento de novos produtos entre outros.

Como funciona a contabilidade gerencial numa empresa?

A empresa pode optar por ter as “duas” contabilidades realizadas internamente.

A contabilidade fiscal, que é a contabilidade oficial, utilizada para calcular os impostos e gerar os relatórios entregues ao Fisco (SPED por exemplo) e contabilidade gerencial, que vai gerar os relatórios estratégicos.

Em geral é isso que acontece mesmo, afinal a empresa que decide por ter a contabilidade feita internamente já “aproveita” os custos e implanta ambas, pois na maioria dos casos isso faz sentido.

Todavia por motivos particulares a empresa pode sem problemas optar por ter apenas a contabilidade gerencial implantada, mantendo a contabilidade fiscal sendo realizada externamente por um escritório contábil.

Porém de todo modo, seja na fiscal, seja na gerencial a empresa tem que ter um rigoroso processo de lançamento da totalidade das despesas e receitas.

Caso isso não aconteça as informações ficarão “furadas” e deixarão de ter confiabilidade.

Isso quer dizer, na prática que apesar de não ser uma contabilidade oficial, a contabilidade gerencial deve ser tratada com o mesmo rigor que é aplicada à contabilidade fiscal.

Se a empresa não informar correta e integralmente todas as informações do negócio as informações geradas terão sua veracidade comprometida e poderão levar a decisões equivocadas.

Informatização é essencial

É necessário que a empresa conte com um sistema informatizado de contabilidade, sendo particularmente interessante que seja um módulo do sistema de gestão ERP ou integrável a este.

Desse modo as informações geradas na operação serão aproveitadas diretamente na contabilização e geração dos relatórios.

É possível ainda a integração à um sistema de business intelligence (BI) que permite gerar gráficos muito mais atraentes e eficazes de análise visual das informações.

Quem consome as informações da contabilidade gerencial?

Pela sua natureza estratégica caberá à direção da empresa determinar quem terá acesso a qual informação.

O time de contabilidade pode produzir relatórios com informações adequadas segundo o interesse e o nível do cargo.

Um gerente de produção pode ver relatórios do seu setor.

A mesma coisa para um gerente de compras.

O gerente geral e o empresário podem ter acesso a todos os relatórios e assim por diante.

Enfim cada empresa define o nível de sigilo com o qual vai compartilhar com seus líderes.

Aplicações práticas da contabilidade gerencial

A função primordial dessa modalidade de contabilidade é ajudar as lideranças da empresa a tomarem decisões baseadas em informações confiáveis.

São exemplos:

• Saber exatamente onde são alocados os custos da empresa.
• Saber qual é a taxa de retorno para fazer novos investimentos.
• Quais é o retorno em vendas sobre os investimentos em marketing.
• Saber quanto cada produto ou serviço contribui para chegar ao ponto de equilíbrio empresarial.
A robustez e a qualidade das informações geradas pela contabilidade gerencial praticamente a credenciaria de ser chamada de contabilidade administrativa.
Afinal tomar decisões no achismo simplesmente é muito arriscado no cenário competitivo do mundo atual.

Como tem sido a tomada de decisões na sua empresa?

Baseada em informações robustas ou mais na base do achismo?

Não fique em suspense.

As empresas que apresentam os melhores desempenhos tomam decisões muito bem embasadas, como aquelas obtidas através da contabilidade gerencial.

Quer dar um passo adiante na gestão da sua empresa?

Gostaria de saber mais sobre esse assunto?

A Unimake é especialista em software de gestão ERP para empresa de varejo e agroindústrias.

Nosso módulo contábil ajuda nossos clientes a terem o melhor desempenho nos negócios.

Converse conosco sem compromisso pelo e-mail comercial@unimake.com.br ou pelo fone 44 3141-4900.

Se preferir pode fazer contato com nosso whatsapp comercial clicando aqui.

Compartilhe

Post anterior: