6 emails maliciosos que você jamais deveria abrir

Contrariando sua morte anunciada há vários anos, o email continua firme como meio de comunicação, mas requer cuidado extra na era dos golpes digitais.

 

Desde o final dos anos 90 o email virou o patinho feio do mundo da tecnologia, quando surgiram os primeiros comunicadores instantâneos como o ICQ e o (falecido) MSN e mais recentemente o Skype e o Whatsapp, tanto que seu fim foi anunciado várias vezes por especialistas.

 

Porém não foi bem isso que aconteceu, o email continua imbatível quando se trata da comunicação nas empresas, com seus funcionários e clientes, além disso ele ainda é a porta de entrada para o mundo digital, pois continua sendo necessário para o cadastro em redes sociais e a maioria dos serviços ofertados na web.

O email continua vivo como nunca, mas seu uso requer atenção constante.

Como toda porta de entrada no mundo digital, o email é um dos alvos preferidos de criminosos virtuais que querem aplicar golpes, instalar vírus ou roubar seus dados para obtenção de lucro.

Sempre falamos aqui no blog da necessidade que as pessoas e empresas tem de boas medidas de proteção, como backup na nuvem, antivírus, senhas seguras, etc., mas mesmo com essas medidas, uma das regras de ouro da segurança de dados é a sempre boa e velha prevenção, afinal os hackers tentam o tempo todo furar os bloqueios e quando o próprio usuário fornece os meios para que haja uma invasão, a chance de sucesso do ataque é muito maior!

 

Na lista a seguir, apresentamos uma relação de emails que quando recebidos pelos usuários devem receber extrema atenção, qualquer descuido pode ser fatal.

Estou recebendo emails de mim mesmo

É um dos tipos mais comuns de mensagem suspeita, obtido através de uma técnica chamada spoofing. Os hackers conseguem mascarar o verdadeiro email do remetente e enviam a mensagem como se fosse da própria pessoa.

100% das vezes uma mensagem dessas conterá links para cair em sites maliciosos, então nunca clique e apague imediatamente!

Infelizmente não há muito o que ser feito além de apagar o email, pois as técnicas de spoofing acontecem em servidores fora do ambiente de controle do usuário.

 Os termos de uso do site “x” mudaram

Golpe novo na praça, os criminosos lhe enviam um email com a aparência, cor, logotipo e tudo o que se possa parecer com o site de uma empresa famosa, como por exemplo o Paypal.

Até criam um domínio parecido como www.termosdeuso.paypalbr.com ou algo semelhante e lhe avisam que os termos de uso do site mudaram e que para saber as novidades você deve clicar no link.

É cilada Bino! Jamais clique, se você for cliente daquele tal site e queira mesmo saber se os termos de uso mudaram o melhor a fazer é logar no site com seu login e senha que normalmente lá terá um aviso bem destacado sobre isso.

Email com ofertas de alguma loja famosa

Esse é bem difícil de pegar pois é impressionante como esse pessoal tem tempo e sofisticação para fazer uma mensagem com a cara de uma loja famosa, como Americanas ou Submarino.

As ofertas são propositalmente tentadoras para que o destinatário fique tentado a clicar.

Claro que se clicar a pessoa vai ter uma tremenda dor de cabeça, pois o PC poderá ser infectado com um vírus que vai roubar dados, enviar mensagens falsas para os contatos e outros tipos de trambique eletrônico.

Esse golpe também usa endereço web parecidos com o das marcas famosas como www.americanasonline.com.br ou similar.

Atenção redobrada, apague sem dó!

Mensagem oferece orçamento online

Também trata-se de um golpe relativamente novo.

Como essas mensagens são enviadas para milhões de pessoas, é natural que uma hora ou outra caiam para alguém que realmente está querendo fazer um orçamento.

Pode ser uma cotação de seguro, de plano de saúde ou qualquer outro serviço que possa ser orçado via web.

Aqui o remetente da mensagem se vende como uma empresa capacitada a fazer orçamentos em vários locais simultaneamente e apresentar ao usuário aqueles mais favoráveis com ofertas tentadoras do tipo: “Faça cotação com as maiores segurados do mercado em apenas 5 minutos”.

A pessoa então acaba preenchendo um formulário web com seus dados pessoais como nome completo, data de nascimento, endereço, número do CPF, etc. porém as tais cotações jamais retornam e os criminosos ficam com os dados da pessoa para aplicarem golpes dos mais variados.

 Pendências na Receita Federal

Esse é clássico.

A pessoa recebe um email com uma mensagem dizendo que tem pendências na Receita Federal e que se não resolver logo sofrerá sérias consequências.

Clássico golpe do link falso, de novo vai a dica, nunca clique!

 Aviso de entrega dos correios

Outro clássico.

Uma mensagem avisa que a pessoa tem uma encomenda não retirada nos correios e que deve clicar no link para obter as informações necessárias de onde retirar o “pacote”.

Assim como no email da Receita Federal, esta mensagem falsa explora a curiosidade humana, afinal vai que tem um IPhone X que a pessoa nunca comprou esperando para ser retirado na agência do Correio mais próxima? Clicou, perdeu!

 

Enfim, o mundo digital anda mais cheio de armadilhas do que nunca, use sempre todas medidas de proteção de dados ao seu alcance, mantenha o backup em dia, mas a prevenção e atenção deve ser sempre constante, fazendo sempre isso o email continua sendo uma ferramenta de comunicação fantástica e necessária.

 

 

Add um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *