Como escolher o melhor serviço de backup em nuvem para empresas

O Backup na nuvem (ou cloud backup como também é conhecido) definitivamente se firmou como a opção mais segura de salvamento de dados corporativos, seja pela segurança, seja pela praticidade e custo acessível.

Se você está pensando em adotar o modelo de backup em nuvem para empresas, leve em conta as características a seguir, que devem ser essenciais para uma boa experiência.

 

1) Segurança

Com certeza esse é o critério número 1 de quem contrata um serviço de backup em nuvem, afinal manter o backup localmente é um risco enorme, com diversas variáveis que podem causar um transtorno imenso, tais como roubo ou furto dos computadores, panes técnicas e elétricas que danifiquem o HD, ataques de ransomware que sequestram os dados e por aí vai. O backup na nuvem garante a segurança de uma recuperação de dados eficaz pelo fato de mantê-los fora da empresa em datacenters, cuja tecnologia é de última geração.

2) Escalabilidade

O fornecedor deve assegurar que tem capacidade de salvar os seus dados, mesmo que o volume cresça de forma significativa e repentinamente. Na prática significa dizer que o serviço deve ser capaz de absorver um volume de dados 3, 4, 5 vezes maior hoje do que era em relação na semana passada, por exemplo. Isso garante que você não terá problemas em crescer, e, portanto, trata-se de uma preocupação a menos.

 

3) Disponibilidade

É a capacidade do serviço de backup em nuvem para empresas, de ficar no ar o máximo de tempo possível, disponível tanto para salvar dados novos, quanto para recuperar dados antigos, afinal o serviço tem que garantir salvamento e recuperação como seus propósitos primordiais. O nível de disponibilidade em geral é previsto em contrato através do SLA (Service Level Agreement ou Acordo de Nível de Serviço em Português) e para ser satisfatório deve ser igual ou superior a 99,98% do tempo. Para termos uma noção dessa capacidade, podemos considerar que esse nível equivale, dentro de um mês de 30 dias, a no máximo 9 minutos do serviço fora do ar.

 

4) Criptografia no backup em nuvem para empresas

A criptografia é a capacidade do serviço de “camuflar” os dados desde o cliente até o servidor onde os dados serão salvos, isso garante que mesmo que haja uma interceptação por criminosos virtuais, os dados não conseguirão ser interpretados e, portanto, tornados inúteis, não gerando nenhum prejuízo para a empresa.

 

5) Redundância

Essa qualidade garante que os dados sejam salvos em mais de um local (seja no mesmo datacenter, seja em um segundo datacenter) isso assegura que os dados estão replicados (redundantes) e que mesmo que aconteça um incidente no local de salvamento original haverá uma cópia fora dali.

 

Leia também: Como funciona o backup na nuvem para empresas e quais as suas vantagens

 

6) Automatização

Uma das maiores razões que levam as pessoas a deixarem de fazer o backup manualmente e adotarem o backup na nuvem é o fato do processo em nuvem ser automático, afinal lembrar de fazer o backup todos os dias é uma tarefa inglória na correria dos dias atuais, logo, um bom serviço de backup na nuvem deve ser automatizado, isso significa dizer que quando há a alteração ou criação de um novo arquivo, alteração no registro de um banco de dados e mudanças a fins o serviço se encarrega de subir esses dados para a nuvem sem intervenção humana, garantindo assim que não haja surpresas desagradáveis no futuro.

 

7) Monitoramento

Mesmo com toda a segurança de um processo de backup automático alguém está olhando e garantindo a conformidade? O monitoramento do backup é importante e dá um toque humano ao processo, pois torna-se uma segunda camada de inteligência, que assegura que mesmo que algum procedimento automatizado falhe, alguém entrará em ação para a solução do problema. O monitoramento do backup não implica na “bisbilhotagem” dos dados e sim apenas verificar que o processo de upload dos dados está acontecendo corretamente e a busca por outras anomalias que eventualmente possam criar um transtorno adiante.

 

São 7 motivos poderosos e que você deve considerar na hora de migrar seu backup, portanto, pense nisso e tome a decisão certa. A segurança dos dados e o futuro da sua empresa agradecem.

E você, já trabalha com backup em nuvem para empresas? Deixe um comentário e vamos conversar.

Equipe Gemini Cloud Backup

Um comentário

Add um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *